Audiência pública discute a Copa 2014

0
3668
La Torre Resort é um dos hotéis que poderá hospedar participantes da Copa do Mundo 2014.
Na última sexta – feira (27/05), autoridades municipais, juntamente com representantes do Governo Estadual, discutiram o destino da Costa do Descobrimento para a Copa do Mundo de 2014. Porto Seguro, uma das cidades escolhidas para receber delegações e  uma equipe de futebol que disputará a Copa do Mundo de 2014, já se prepara para o acontecimento esportivo mais importante do planeta. Alguns hotéis foram citados como possíveis locais que irão receber a delegação de um dos times de futebol, dentre eles, o La Torre Resort que neste ano foi considerado, pelo Guia Quatro Rodas, o melhor hotel de Porto Seguro.
Na Audiência Pública,  Ney Campello – Secretário Estadual da SECOPA ao lado do Prefeito de Porto Seguro Gilberto Abade.
 Buscando fomentar o turismo em toda Bahia, o Governo do Estado criou a Secretaria Extraordinária da Copa – SECOPA e a Câmara Municipal de Vereadores realizou a Audiência Pública que, além das autoridades municipais, contou com a presença do Deputado Estadual Álvaro Gomes, o Secretário Estadual da Secopa Ney Campello e Marco Costa – Coordenador de Marketing e Relações Internacionais da Secopa.
A Audiência Pública começou por volta da 10h30min onde ocorreu a explanação do Prefeito Gilberto Abade que ressaltou o laço estreito com Portugal e afirmou que Porto Seguro está apta a receber uma seleção e certamente as delegações de qualquer time de futebol. Durante sua fala, Abade teve o apoio de Ney Campello que disse que, juntamente com o gestor, irá lutar para trazer a Porto Seguro a seleção de Portugal: “Faremos todas as obras necessárias para receber um Centro de Treinamento de Seleções (CTS) da Copa do Mundo em Porto Seguro. Depois de Salvador, nossa cidade é a mais bem preparada na Bahia para receber um evento desse porte”, disse o prefeito.
Resort La Torre e a Copa de 2014
O La Torre Resort entrou na disputa para receber delegações. Com excelente localização, bem na Praia do Mutá, a aproximadamente 15 minutos do aeroporto Internacional de Porto Seguro, o hotel é um dos que poderá hospedar uma delegação ou até mesmo uma seleção participante da Copa de 2014. Os quesitos exigidos pela FIFA  foram atendidos pelo La Torre Resort, dentre eles, o estacionamento adequado para ônibus de grande porte, restaurante, número e espaço adequado de cada apartamento e etc.
Novas exigências
Hoje Porto Seguro tem o terceiro maior número de leitos do país, superando até mesmo a capital baiana, esta que será uma das 12 sedes da Copa do Mundo de 2014. A hospedagem, tanto para as seleções quanto para turistas, é de grande relevância para  um turismo de qualidade e evento. Mas segundo o Secretário Nacional da Secopa, o perfil do turista atual mudou: “Ele não quer mais só ficar dentro de um hotel cinco estrelas e depois ir direto para o campo, ele quer conhecer a cultura local, as tradições. E só um local como a Bahia, como Porto Seguro, que já tem essa “oferta” da identidade cultural brasileira é que teve condições de captar um evento dessa natureza. Em 2014 nós temos dois grandes objetivos para conquistar; o 1º é ganhar o mundial, Brasil tem que ser hexacampeão. E o 2º é ganhar “com” a copa, fazer da copa uma avenida de oportunidades sociais e econômicas e internalizar benefícios efetivos para que possamos dizem ao final de 2014 que a copa foi boa sim; foi boa para o turista, foi boa para a seleção que veio à Porto Seguro e foi melhor ainda para a população brasileira e baiana que sai dela com requalificação da sua vida urbana, com progresso, com desenvolvimento humano e com felicidade. Com essa audiência de hoje Porto Seguro saiu da arquibancada e entrou para o jogo”, finalizou Ney Campello.
Jerusa Brandão/Mídia Mutá

DEIXE UMA RESPOSTA