Bahiatursa leva parceiro à Aviestur

0
3673

De 15 a 16 de abril, o Resort La Torre, juntamente com a Bahiatursa, estará participando da 34ª Feira de Turismo de Campos do Jordão – SP. A Aviesp – Associação de Agências de Viagens Independentes do Interior do Estado de São Paulo realiza a feira sempre no primeiro semestre; evento que reúne agentes de viagens e operadores do interior paulista e também de outros estados como Paraná e Rio de Janeiro. A feira acontece no Campos do Jordão Convention Center.
 Na sua 34ª edição, a Aviestur, uma feira considerada de elite por quem vende o produto, é direcionada a associados, dando mais segurança a quem vai a Campos do Jordão comercializar seus produtos. O Resort La Torre, localizado na belíssima Praia do Mutá, em Porto Seguro, é o único hotel da cidade que está presente na Aviestur e conta com a parceria da Bahiatursa.
A Gerente Comercial do hotel, Alessandra Quaresma, diz que a feira é de extrema importância para o cenário nacional, por isso, a presença do La Torre, empreendimento que neste ano foi destaque no Guia Quatro Rodas e UOL Viagem: “É uma grande oportunidade de levar o nosso produto para agentes do interior de São Paulo que hoje são os maiores consumidores da Região Nordeste. Além disso, a feira recebe grupos de operadores de Maringá, Londrina, Rio de Janeiro, e, desta maneira podemos criar novos contatos e expandir no mercado nacional.”
 
A Bahiatursa e parceiros têm com um dos representantes, Ricardo Gouveia Gerente de Relações Nacionais: “ A Aviesp reúne nesse evento contatos importantíssimos, nela encontramos mais de 5 mil pessoas, dentre agentes de viagens, as maiores operadoras do Brasil, além de empresas de Linhas Aéreas etc. É um cenário em que encontramos nossos parceiros e fazemos novos durante os contatos que temos de imediato. Entregamos nosso material de divulgação, e o mais importante, temos a oportunidade de conhecer agentes do interior de São Paulo que vem pra Campos do Jordão em caravanas. Esse é o ponto principal pra nós que trabalhamos com turismo e muitas vezes não temos tempo até o interior do estado de São Paulo”, afirma.
 Jerusa Brandão/Mídia Mutá

DEIXE UMA RESPOSTA