Projeto Águas Limpas La Torre Resort

0
860

O La Torre Resort de Porto Seguro-BA implantou o Projeto Águas Limpas, que coleta e pré-trata seus efluentes, levando-os até um Poço de Visita da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (EMBASA).

O sistema integrado atende o complexo La Torre e conta com uma estação elevatória de esgoto, sistema de bombeamento e rede de tubulação, representando um avanço ambiental, já que o local é desprovido de saneamento básico, sem até mesmo, rede pública de esgoto.

O projeto foi impulsionado pela poluição visual e sonora dos caminhões limpa-fossa, os maus odores exalados durante o bombeamento, além do aumento no custo de terceirização do trabalho. Entretanto, ao maior impulsor da ideia foi a preocupação com o meio ambiente. As fossas sumidouro utilizadas até o momento eram um tipo de improvisação, que mesmo assim permitia a contínua contaminação de lençóis freáticos da região.

As autorizações necessárias à construção do Projeto Águas Limpas foram obtidas já na época da Copa do Mundo de Futebol. Com a parte burocrática adiantada, ficou mais fácil o diálogo com as instituições, que, por mais que se tratasse de um projeto particular, precisou passar por vias públicas até chegar na estação de tratamento Embasa.

Luigi Rotunno, diretor geral do La Torre, afirma que a ação representa um avanço ecológico importante não só para o resort, mas também para a região. “Ações sustentáveis não são mais opção, são necessidade e um projeto como o Águas Limpas põe em prática o tratamento dos efluentes, para uma maior qualidade de vida do Mutá, seus turistas e moradores.”

Para a construção do Águas Limpas, o La Torre investiu mais de 300 mil reais.

DEIXE UMA RESPOSTA